#BikoGriots - Guimário Nascimento, a Cidadania e Consciência Negra na Biko



Um dos professores das antigas nos 25 anos da Biko, Guimário Nascimento está no rol dos docentes que já lecionaram a disciplina especial Cidadania e Consciencia Negra (CCN), dada em todos os cursos e projetos do Instituto, em especial no Pré-Vestibular. Não só ensinou, como a pesquisou. Ensinou História também, no Pré.

A CCN foi tema de sua monografia no Curso de História e Cultura Africana, em 2007, na Fundação Getúlio Vargas. A importância da disciplina, para Guimário, vai além da sala de aula. "CCN é o eixo principal do processo pedagógico da Biko. Essa disciplina ajuda as pessoas a se descobrirem como seres humanos negros e negras. Ajuda a despertar a autoestima e a identidade racial. É transformadora, mexe com o subconsciente, tira as pessoas de um processo de alienação secular. CCN é a desconstrução do imaginário negativo para um positivo", afirma Guimário.

A experiência do professor #bikudo está sempre de volta à sala de aula da Biko, seja em projetos especiais ou a convite do Instituto para compartilhar sua pesquisa, seus estudos sobre a África, os afrobrasileiros e as interseções entre o continente e o país. "Foi enriquecedor, pois era uma troca de conhecimento e de experiências que eu nunca tinha ouvido ou passado", disse.



Este mês, quando se comemora o Dia da África - 25 de maio - Guimário Nascimento - voltou à Sala 2 na Biko para palestras sobre "Panorama do negro no Brasil", na última terça-feira (23) e na última sexta (26), quando falou sobre "A participação dos afrobrasileiros na formação econômica, social e cultural do povo brasileiro". No público, alunos do Intercâmbio em curso entre o Instituto e a Pitzer College (EUA) e alunos do pré-Vestibular. Já no dia 25, Guimário levou sua experiência na Biko para a Roda de Conversa "IyÁfrica", na Unime (Lauro de Freitas), no qual abordou a história do continente africano e a pedagogia afrocentrada do Instituto.

"O projeto pedagógico tem provocado uma mudança ideológica e comportamental nos estudantes. A disciplina (CCN) transforma e gera mudanças na atuação sociopolítica e profissional. Eleva a consciência étnica e racial, faz os alunos reproduzirem nas suas práticas políticas, sociais e profissionais, os princípios e valores defendidos pela disciplina", diz Guimário em artigo sobre a CCN no livro "Bikud@s: histórias de Cidadania e Consciência Negra" (2012).


#BikoGriots

Nesta série, a Biko vai trazer mais dos seus professores e professoras #bikud@s que passaram e/ou ainda estão na Instituição, levando seu conhecimento, compartilhando suas militâncias com os alunos ao longo dos seus 25 anos. Nesta iniciativa, a Biko valoriza aqueles que fizeram e fazem deste Instituto uma parte fundamental na história da Educação para negros e negras. Griots são os indivíduos de África que tinham o compromisso de preservar e transmitir histórias, fatos históricos e os conhecimentos e as canções de seu povo. Existem os griots músicos e os griots contadores de histórias. Eles ensinavam a arte, o conhecimento de plantas, tradições, histórias e davam conselhos aos jovens príncipes.





Destaque!!!
Posts Recentes
Arquivos
BikoTags
Nenhum tag.
Siga-nos!!
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Entre em contato:
(+55 71) 3241-8708

Encontre-nos:

Rua do Paço, n°4 - Pelourinho

Salvador - Bahia - Brasil

© 2014 - Por: Instituto Cultural Steve Biko.

Parceiros: